Trupe Chá de Boldo chega a Bauru com seu novo álbum

A banda contagiou o público em apresentação na quarta-feira, dia 25

Juliana Gonzalez

1

(Foto: Juliana Gonzalez)

Na quarta-feira, dia 25, o Sesc Bauru foi palco da banda Trupe Chá de Boldo. Com seu terceiro disco, “Presente’’, o grupo se apresentou na área de convivência do Sesc e trouxe um grande e diversificado público para dançar. Mães e filhas, casais e amigos, ninguém ficou parado quando a banda começou a tocar.

2

(Foto: Juliana Gonzalez)

Apresentando um repertório cheio de misturas musicais, do álbum novo e incluindo também o antigo sucesso “Na Garrafa”, o show conduziu o público a ir dos ares ao chão. Cada canção trouxe uma performance executada pela banda, bem como o revezamento do grupo no vocal e nos instrumentos.

3

(Foto: Juliana Gonzalez)

Comentário

Ir ao show da Trupe Chá de Boldo é embarcar em uma viagem e se deixar levar pela energia que o grupo transmite. Quando você menos espera o seu corpo acompanha a melodia e as letras já saem facilmente pela boca.

Ao final, o público pediu um bis, atendido pela Trupe, que tocou “Uma banda”, música que define muito bem o caráter do grupo e que já nos mostra seu “tesão” musical.

Uma banda grande é demais

Não cabe no elevador, não cabe no camarim

Não cabe no estúdio, não cabe no jardins

Não cabe no mercado, não cabe assim

E cabe só onde tem tesão

Uma banda grande é demais

A banda

Com 13 integrantes, a Trupe Chá de Boldo já existe há quase 10 anos.

É curioso como um número tão grande de pessoas pode estar em perfeita sintonia. As donas das vozes harmoniosos são Ciça Góes,  Julia Valiengo e Leila Pereira.

Os demais integrantes são: Felipe Botelho, Gustavo Cabelo, Gustavo Galo, Guto Nogueira, Marcos Mumu, Pedro Gongom, Rafael Werblowsky, Cuca Ferreira, Remi Chatain e Tomás Bastos.

O som dessa Trupe não pode ser definido, já que eles mesmos declaram que a mistura não é a finalidade e sim o ponto de partida da criação musical da banda. Mas, ainda, não se pode deixar de notar o caráter festivo, eclético e carnavalesco.

Destaque para a originalidade do grupo como compositores, e também na maneira que se vestem e se apresentam de maneira livre e espontânea.

4

(Foto: Juliana Gonzalez)

Presente

O álbum é tido pelos integrantes como estranho, pop, experimental. Com produção de Gustavo Ruiz (produtor, irmão e guitarrista de Tulipa Ruiz), o estilo tende para tropicália, carimbó, pop, eletrônico e rock mas sem se definir exclusivamente em nenhum. Essa composição híbrida representa a essência e a unidade da banda. Mesmo com muitas influências, é formado um repertório coeso e único que envolve a platéia.

Percebe-se, também, uma forte critica ao estilo de vida que valoriza a ostentação, o dinheiro e aparência nas musicas “Meu Tesão é Outro” e o single “Diacho”. Sempre com muito bom humor, as letras trazem poesia com influências cotidianas e oníricas.

Baixe os discos gratuitamente clicando aqui.

5

(Foto: Juliana Gonzalez)

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s