XVIII Semana de Estudos Pedagógicos discute temas atuais sobre a Infância

Evento foi realizado pelo Centro Acadêmico Paulo Freire e aconteceu entre os dias 5 e 9 de maio

Caroline Mazzer

A Unesp de Bauru recebeu, entre os dias 5 e 9 de maio, a tradicional Semana de Estudos Pedagógicos, que acontece desde 1997. As atividades trouxeram ao público discussões sobre educação e ciência, além de apresentações culturais e um debate sobre a Legislação Brasileira em relação à criança.

Uma das mesas redondas debateu temas necessários para uma boa educação infantil. (Créditos: Caroline Mazzer)

Uma das mesas redondas debateu temas necessários para uma boa educação infantil. (Créditos: Caroline Mazzer)

Este ano contou ainda com o diferencial de palestras abertas ao público externo, através de inscrições. Os eventos abertos ao público em geral ocorreram nos dias 5, 7 e 9 de maio, às 19 horas no Anfiteatro Guilherme R. Ferraz , o “Guilhermão” da Unesp.

Na segunda-feira, dia 5, ocorreu a abertura oficial da Semana, a apresentação cultural “Clube da Viola de Bauru” e a palestra com Antonio Teixeira de Macedo Neto, doutor em comunicação pela ECA-USP .

Na quarta-feira, houve a apresentação do grupo Folia de Reis, seguida de uma mesa redonda mediada pela professora doutora Maria do Carmo Monteiro Kobayashi a respeito de atitudes em sala de aula de acordo com as leis brasileiras. Os participantes foram Vera Mariza Regina, secretária municipal de Educação, a secretária do Bem Estar Social Darlene Martin Tendolo e o coordenador pedagógico Alexandre Freitas. Somado a isso, a entrada do Anfiteatro abriu um espaço para a troca de livros.

O grupo "Folia de Reis" ressalta a importância da preservação das tradições culturais

O grupo “Folia de Reis” ressalta a importância da preservação das tradições culturais. (Créditos: Caroline Mazzer)

Já na sexta-feira, o grupo “Quinteto de Metais” da Banda Municipal de Bauru se apresentou. Depois disso, houve a palestra “A contribuição da Neurociência para as práticas de ensino e aprendizagem da infância” com a professora doutora Rosita Edller Carvalho. Enquanto isso, nos dias 6 e 8 aconteceram as oficinas restritas aos alunos de graduação do curso de pedagogia da Universidade Estadual Paulista.

A professora Maria do Carmo Monteiro Kobayashi afirma a importância dos debates ocorridos. “Eles são responsáveis por ressaltar a importância dos papéis realizados pelas diferentes entidades e pessoas que cuidam, educam e orientam as crianças, que são o futuro da comunidade”.

O evento abriu um espaço cultural no qual foi possível doar um livro e pegar outro em troca. (Créditos: Caroline Mazzer)

O evento abriu um espaço cultural no qual foi possível doar um livro e pegar outro em troca. (Créditos: Caroline Mazzer)

Segundo os alunos do Centro Acadêmico Paulo Freire (CAPF), a escolha do assunto “Infância: temas atuais” foi feita por ser algo pouco discutido fora do âmbito da universidade e por não receber a devida importância. Além disso, o tema é pertinente, visto que houve uma recente deliberação – a 111/12 – do Conselho Estadual de Educação que deixará de fora dos cursos de Pedagogia a formação de professores para alunos da Educação Infantil de 0 a 3 anos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s